quarta-feira, janeiro 27, 2010

Habilidade publicitária

...ou de como virar uma coisa do avesso!
Não sendo uma expectadora fanática de tv (nunca me lembro de a abrir ao chegar a casa, por exemplo, só a ligo quando me sento no sofá na expectativa de ver alguma coisa interessante) passo ainda bastante tempo a mastigar a «pastilha-elástica» de algumas séries. E se muitas vezes vejo dois ou três episódios e já chega, decido que não-é-o-meu-género, mas outras vezes acho interessante para distrair e vou seguindo algumas delas com um certo relativo interesse.Sobretudo umas inglesas ou alemãs.
É claro que se torna irritante quando, não se sabe por alma de quem, os senhores programadores decidem voltar atrás, e metem uns episódios antiquissimos depois de nós já termos assistido ao que se passou anos depois...
Tal costuma acontecer por volta das férias, como quem faz saldos e quer acabar com as ‘colecções’. Já dou desconto, que em Julho, Agosto e muitas vezes Setembro tenho de gramar com histórias requentadas mas que estão ali a marcar espaço para as novas séries que depois se anunciam.
Mas ultimamente tenho-me «passado» com uma espantosa publicidade (???!). Eles não só se gabam de passar muitas vezes os mesmos episódios como tiram daí uma «mais valia». Numa voz muito bem colocada, um locutor experiente, explica-nos:
«Não se preocupe se não tem tempo para ver o episódio XPTL às 17 horas; fica a saber que pode ver a sua repetição às 21, ou às 23 no outro canal-gémeo, e para quem sofre de insónias pode ter o prazer de ver o episódio às 3 da matina»
A sério.
Aquela gente tem a lata de, não apenas não se desculpar com as inúmeras vezes que passa a mesma história, como se gabar que isso é em nosso benefício – se perdemos antes do jantar, temos o privilégio de o poder a voltar a ver antes de ir para a cama!
Estarão doidos?!


16 comentários:

Miguel disse...

Olá Emiéle! Doidos? Claro que não! Tu é que já não te lembras dos tempos em que era um drama perder um episódio que jamais se voltaria a ver. A não ser quando era o último e, por vezes, excepcionalmente lá repetiam o dito. Não havia gravadores de vídeo, só 2 canais, etc e tal... E há séries fenomenais! Quem é que se pode dar ao luxo de perde-las? :p

Miguel disse...

Olá Emiéle! Doidos? Claro que não! Tu é que já não te lembras dos tempos em que era um drama perder um episódio que jamais se voltaria a ver. A não ser quando era o último e, por vezes, excepcionalmente lá repetiam o dito. Não havia gravadores de vídeo, só 2 canais, etc e tal... E há séries fenomenais! Quem é que se pode dar ao luxo de perde-las? :p

Emiele disse...

Claro que me lembro, :)
Mas era mais do tipo telenovela, eu aqui refiro-me por exemplo a ver no «Donas de Casa Desesperadas» chegar um novo namorado recebido com muita curiosidade quando há meses que soubemos que ele é um desgraçado de um vigarista. Ou nos CSIs histórias vistas 5 vezes e que eles tem a lata de dizerem que a estão a repetir pensando no nosso bem-estar.
Que lata!
:)

Joaninha disse...

:) :) :)

Muito bem visto! É cosa com que ando a embirrar mas sem o explicar tão bem!
Agora dizem «Não se preocupe se não viu os episódios 4, 5, 6, 7 desta semana da série tal, porque vai ter a sorte deste sábado (ou Domingo tanto faz) poder vê-los todos a seguir!»
Tão a ver?
É um brinde!!!
Para quem se atrasou ou não viu como acabava uma história tem a alegria de apanhar com 3 histórias pelo preço de uma!

Mary disse...

Eheheeh!!
Tal e qual!

Parece que estamos num cinema de sessões contínuas..

sem-nick disse...

E então quando é de facto o «último episódio» isso então é propagandeado que já nem se pode!!! E nós com a certeza de que se não o virmos vamos ter a ocasião de o voltar a ver num fim de semana qualquer!

kika disse...

Tal e qual o que já foi dito, nem acrescento nada, só marco presença!!!

fj disse...

Por acaso nunca vi a prevenção.Mas já tinha a reparado. Bem visto.

silvya disse...

Sim é isso.Ver os episódios que se perderam é muito bom, mas repetição após repetição é de fugir, sem contar que transformaram séries que eram muito boas em telenovelas mexicanas.
Que fazer, ou melhor, que não fazer? Não ver e partir para outra.O que vale é que há sempre alternativas, e por acaso não concordo muito com aquela das sessões contínuas. Sempre eram diferentes.Mas ver o compacto de séries boas, até gosto, diverte e não aborrece tanto.
Mas ele há gostos para tudo.
E há vida para além da tv.
Eu não me posso pronunciar, esta vida está a ser muito complicada, para mim. Terminei ano péssimamente e comecei-o na mesma.
Isto não anada nada bem. KIka, lamento dizer-te, que bem tento alegrar-me, mas é muito dificil.
Só quem passa por elas.
Para os populianos um abraço
Silvyaprata

silvya disse...

claro que é. TERMINEI O ANO PÉSSIMAMENTE.
E, ISTO NÃO ANDA NADA BEM.
É SÓ UMA PEQUENA CORRECÇÃO.
BJ
SILVYA

fj disse...

Miguel vejo com agrado que o regresso
parece sustentável. Mas não precisas de repetir os comentários, a gente já fica satisfeito com um.Lapso ou indireta ás repetições? De qualquer forma coincidência temática engraçada.

josé palmeiro disse...

Para mim, quando começam com essas coisas é que eu gosto, ou vou ver um filme ou vou ouvir música. Cada vez dou menos importância a esses senhores das TVs e dos marketings que usam para nos cativar. Cá pra mim, tem o efeito inverso.

Emiele disse...

Olá!
Silvya, nestas coisas de gralhas não vale a pena corrigir, todos damos imensas e percebe-se bem o que queremos dizer. Lamento que a vida te ande a correr mal, mas decerto vai melhorar.
O Miguel dobrou o comentário como eu vi logo, mas às vezes clicamos duas vezes por parecer que não entra, o fj lá mandou a sua gracinha... :)
Zé Palmeiro, como eu disse muitas dessas séries eu vejo um pouco como puro entretém, tipo pastilha elástica, mas seja como for, a verdade é que pagamos a Cabo e não é assim tão pouco. Temos direito a outro atendimento - olhem se repetiam os jogos de futebol... :)

kika disse...

Ah Emiéle se repetiam jogos de futebol... que susto ...já basta á segunda-feira! Uma palavrita ali para a Silvyaprateada, como te chamou o fj com carinho! Vai em frente , só a morte é definitiva e sem remédio! Hoje em dia não estás sozinha, mas seja o que for que te apoquenta, lembra-te que a saude é o melhor bem e se tiveres isso, tens tudo!
Dá graças! Fica bem um beijinho!
Emiéle desculpa o abuso!

josé palmeiro disse...

Essa do futebol, vem mesmo a calhar.
Até eu que gosto imenso de desporto (TODO), me farto de futebol, ele começa à sexta e acaba à segunda e depois mais os execráveis comentadores desportivos(?), que, esses sim, são repetidos duas e três vezes, enfim o que vale é que há o Mezzo e o Arte, para desanuviar.
Silvya, então que é isso?
Vamos lá a olhar para o futuro, com confiança, os maus tempos hão-de passar e depois tens em quem te apoiares. Tenho a certeza que ninguém se negará!

fj disse...

Nunca me tinha lembrado, BELA IDEIA REPETIR os jogos de futebol. Dá para as sextas, sábados, domingos e segundas feiras e, com sorte, a meio da semana!Vou promover um abaixo assinado, menina não entra.
O Miguel não foi tentativa de gracinha,achei piada á repetição quando o tema era a repetição.
Jony queres ser o primeiro subscritor do abaixo assinado a pedir repetição integral dos jogos? Já tenho 358 interessados...