sexta-feira, dezembro 12, 2008

Que pobreza....

Quando se chega ao final de um ano é sabido que aparecem milhares de sentenças sobre o ano que termina e é vulgar votarem-se nas coisas melhores (ou as piores) que se passaram.
Encontrei por acaso um desses sites onde se pode ‘votar’. O site é da IOL, presumo.
Factos e figuras de 2008, vejam só que escolhas importantes: (eu transcrevo tal e qual)
No «Geral»
«Maria de Lurdes Rodrigues, por resistir ao sistema de Avaliação de Professores»
«José Saramago, por se ter reestabelecido em ano de novo livro e filme»
«Elvira Fortunato, por ter ganho 2,5 milhões de euros para investigação»
?????
Categoria «Economia»
Vítor Constâncio, presidente do Banco de Portugal, em tempo de crise
Faria de Oliveira, presidente da CGD, pela imagem de credibilidade que passa
Carlos Tavares, presidente da CMVM pela fiscalização das empresas na bolsa
???????????????

Na categoria «Música»

Rita Redshoes
Ana Free
Pontos Negros
???????????
Na Categoria «Cinema»
Manoel Oliveira: a filmar aos 100 anos
Paulo Branco: Estoril Film Festival cheio de estrelas do cinema
Nicolau Breyner: realiza primeiro filme e entra em vários
?????????

E em «Desporto»

Cristiano Ronaldo
Nélson Évora
Vanessa Fernandes

Vá lá que aqui a coisa tem sentido.
O Cristiano parece que só se esforça quando vê o tal ouro, que aqui na selecção não se vê nada, mas a Vanessa e o Nelson merecem um prémio.
Quanto ao resto, se os três elementos citados de cada categoria é o melhor do melhor que encontraram, é caso para se ficar um tanto triste.


10 comentários:

king disse...

Pobreza é pouco.
Indigência total!!!
Se «isto» é o melhor que se encontrou no ano que está a acabar, valha-nos um Santo poderoso que a coisa vai mal!

AB disse...

São os restos para o empadão(isto é para continuar na veia domestica da Emiele).AB

king disse...

:)))

São mesmo «os restos»!
Com excepção dos dois desportistas (e concordo inteiramente com a crítica ao Ronaldo que parece só jogar bem a toque de dinheiro; aqui na selecção é uma desgraça!)

josé palmeiro disse...

Mais uma vez, o facto de chegar em terceiro não me deixa espaço para deixar uma opinião, porque coincidente com os anteriores comentadores, em tudo, sem tirar nem pôr.
Só referir a excelente, como sempre, análise ao Cristiano Ronaldo, feita pelo Ricardo Araújo Pereira, no "Governo Sombra", em que dizia que uma pessoa com aquele nome, só podia, mesmo, ser futebolista e que, como não podia comprar um curso qualquer como umcerto engenheiro, numa qualquer universidade, chegava ao topo da carreira com as bolas e as chuteiras de ouro e com o ser o melhor de Europa e do Mundo, quiçá, mas só e sempre futebolista!

sem-nick disse...

Já que estamos a malhar no Ronaldo (realmente tadito, que nome....) venho também molhar a sopa.
O gajo joga bem, ponto parágrafo.
Subiu-lhe isso completamente à cabeça, outro ponto parágrafo.
E a verdade é que como é muito puto, tornou-se antipático, mesmo sem querer. Sem falar no Eusébio que os tempos foram outros, apesar de tudo o Figo, que também era um excelente jogador, nunca mostrou tanta arrogância.
E a verdade é que o seleccionador actual é o que é, mas desde sempre aqui na selecção o tal bota ou bola ou lá o que é de ouro nunca mostrou a ponta de um corno!

sem-nick disse...

:)
(correcção que a frase ficou 'esquisita)
Eu não queria que ele mostrasse corno nenhum, queria que metesse golos, já que dizem que o faz tão bem!

kika disse...

Tá tudo dito "Que pobreza" repito. Bom dia tá solinho por cá há que aproveitar ..Rua...

kika disse...

Tá tudo dito "Que pobreza" repito. Bom dia tá solinho por cá há que aproveitar ..Rua...

Joaninha disse...

Estes «prémios» são uma publicidade como outra qualquer.
Na música eu ia votar nos Deolinda, se lá estivessem. Adoro aqueles tipos!!!!

Emiele disse...

O que me chocou é que não se encontrasse mais nada de importante para propor para os ditos prémios.
Isso é que achei paupérrimo!

Não quis censurar os candidatos mas os proponentes.