domingo, novembro 08, 2009

Uma música ao Domingo

Esta canção foi por sugestão e digamos que 'em honra' da minha amiga M******, que gosta muito de fado e até o canta. Foi ela que me falou deste fadista que eu nem conhecia...
Aqui fica:


11 comentários:

King disse...

Realmente tenho reparado que não aparece por aqui muito fado.
Mais até, ou estou enganado ou quando vem é «em honra» de alguém que aprecia. tá na cara que não és tu :)
................
Eu não sou fanático de fado. Creio que só fui uma vez ou duas a uma Casa de Fados e para fazer companhia. É uma canção que aprecio quando bem cantada, mas fico por aí, uma canção como outras.
Este exemplo é muito interessante, e para um leigo como eu, completamente desconhecido (devo a estar a dizer uma heresia!)

mary disse...

Eu conhecia e é uma boa escolha.

Maria disse...

Sim, senhora, belíssima escolha! António Zambujo é um dos fadistas, da nova geração, de que gosto muito. Não sou uma fervorosa amante de fado mas há fados e fadistas que aprecio e ultimamente interesso-me mais... Há um outro caso, dessa nova geração, muito sério de talento - Ricardo Ribeiro.
Sobre a canção de hoje - gosto, particularmente, da forma como A. Zambujo reinterpreta o "tema" com letra/poema de Amália - composição musical de Carlos Gonçalves (guitarrista que a acompanhou de 68 até 99)
Parabéns, à tua amiga pela sugestão e também pela "honrra":))a

elle disse...

o Zambujo é do melhor que anda por aí!

José Palmeiro disse...

alfarrobaPerante tão doutas opiniões, só me resta dar a minha.
Não que não goste, não senhora, mas, não me enche as medidas.
De resto, não canta mal, mas volto a dizer, não faz o meu género.

José Palmeiro disse...

Não sei o que é que a "alfarroba", ai ficou a fazer, mas já que está, deixem-ma estar.

Joaninha disse...

:)
Vinha perguntar ao Zé Palmeiro o que era aquele «código» do 'alfarroba' (a não ser saudades do Algarve) mas como ele diz que aquilo apareceu sem ser de propósito, já está respondido.
Pensei que a tua amiga M estrelinhas viesse aqui dizer qualquer coisa, mas como não deve ser a Mary, e decerto não sou eu também - ehehehe! eu a cantar o fado :))))) - concluo que não apareceu ou é envergonhada.
Já tinha reparado que escolhes poucos fados para esta rubrica. Por acaso tinha ouvido falar neste novo fadista, mas o certo é que não sou uma expert. Gostei! Quando são mesmo bons até gosto, mas não sou uma apaixonada.

não sou a M estrelinhas disse...

... mas gostei imenso da escolha!
Podes pedir-lhe outras sugestões?...

(a Joaninha chamou-lhe M estrelinhas, e achei uma bela ideia) :)

André M. Palmeiro disse...

Esta música já a tinha ouvido mais recentemente na voz da Kátia Guerreiro e da Carminho (onde gostei particularmente). Enquanto amante de uma certa maneira de fazer e sentir o fado também não vou lá muito à bola, particularmente com a voz do António Zambujo, mas o arranjo é interessante e, enfim... ouve-se bem.

Uma vez que se fala de fado, aconselho-vos a seguirem com atenção o último trabalho do Hélder Moutinho (mano do Camané) e, já agora e porque não, esta Carminho que já aqui referi. Para quem gosta ou se interessa, vale a pena...

Emiele disse...

Olá, Boa Noite!

Como por aqui comentaram, raramente deixo aqui um fado porque não sou uma apreciadora por aí além, donde se conclui que também não sou grande entendida. Evidentemente que aprecio as vozes mais famosas (por algum motivo são famosas....) mas estes mais recente nem por isso. Mas essa minha amiga referiu este fadista, e decidi deixá-lo para vocês. pelo menos a Elle conhecia e gostava! :)

(e já arranjou uma bela imagem, heim?!)

cleopatra disse...

ola.
tarde, mas com boa vontade.
pessoalmente sou como muitos, não é de todo o meu estilo músical preferido, tirando um ou outro, mas é bom, que haja quem goste, e quem não goste.
da próxima vez quem sabe, sairá daí uma ar de pop, ou rock, não?
e é domingo, e chegou emfim, o inverno.
bjs
cleopatra