sábado, novembro 28, 2009

Hoje é mais do que sábado

... é o primeiro dia de 'férias'.

Desta vez o calendário foi simpático.

Nem sempre o é. Este ano por exemplo, decidiu que o 25 de Abril fosse a um sábado, e o 13 de Junho também, pelo que na altura da Primavera muitos de nós se sentiram infelizes e um tanto amuados – um feriado a coincidir com o fim de semana é um certo azar!
Mas enfim, estes jogos do calendário se roubam com uma mão oferecem com a outra e foi assim que o 1º de Dezembro – e o 8 também! – cai a uma terça-feira permitindo se metermos um dia de férias e ganhar quatro!!!
É o que estou a fazer.
De hoje até terça feira quarta-feira vou-me afastar um bocadinho e apesar de saber que vai chover (preveniram e afinal é o tempo dela) espero descansar como deve ser, pelo menos dormir muito bem que é coisa fácil de fazer no silêncio do campo. Aliás o meu horóscopo, que tive logo o cuidado de ir ler, para além de uns preciosos conselhos acerca do Amor e do Dinheiro, avisa quanto à Saúde «evite noitadas, o seu corpo necessita de descanso». E eles sabem tudo!
E, reconheçamos, até tem o seu encanto, a chuva a bater nos vidros com a lareira acesa e umas luzes suaves nos candeeiros… Talvez decida arranjar um novelo de lã e umas agulhas para tricotar (um cachecol?) que liga muito bem com o dia e peça um gato emprestado para se aninhar ao meu lado no sofá :).
E também posso aproveitar para fazer uns cozinhados daqueles demorados, em lume brando, ou em forno baixinho, porque nestes quatro dias não vai haver pressas e este tipo de tempo convida a ficar-se à mesa. São servidos?

18 comentários:

Joaninha disse...

BOA!!!!!!

Eu também vou fazer esta ponte. Mesmo que não vá para fóra como tu pensar que tenho 4 dias de seguida para descansar é formidável!
O teu menu ou como é que se pode chamar aos planos que aqui deixaste, é apetitoso. Mas se nos convidas para o jantar tens de dizer o que é que vais cozinhar a fogo brando?...

Joaninha disse...

Ah! Esqueci-me do cachecol! É para o derby? lol!!!!

sem-nick disse...

Eheheheh!!
«Um gato emprestado»???? Só tu!!!
lol!

kika disse...

Viva o luxo, mas estou como o sem-nick, essa do gato emprestado tirou-me do sério...:)
Isto faz parte das boas noticias?
É que se calhar podia abrir um negocio de alugar uuns "peluches vivos" para criar esses quadros tão bucólicos!!
Desejo que não te falte mesmo nada e boas férias!!!

Maria disse...

O cenário é perfeito, gato e tudo, Emiéle, aproveita bem esses dias...
Bom fim-de-semana para todos.

mary disse...

Realmente fazer tricot é uma actividade de inverno, que a lã é quentinha!!! Bem achado. E também adorei a imagem do gato. Mesmo "emprestado":)
Mas hoje, por acaso, aqui até está sol só para contrariar o teu quadro.
E como de certeza vais continuar a passar por cá, para quem passa pelo Pópulo nem nota a diferença...

mary disse...

Esqueci-me de falar no horóscopo. A gente goza, é certo, o teu aparte era a gozer, mas a verdade é que poucos resistem a lê-lo. Aquilo deve ter uma tiragem do caneco!

Emiele disse...

Olá, olá!!!!
Passo por aqui mais tarde, porque deixei o post entrar sozinho à hora marcada (é muito obediente) e afinal como a Mary observou o dia não está assim lá muito chuvoso. Por agora...
Mas o meu quadro idílico também era mais para o entardecer :)
Joaninha, ainda não decidi os cozinhados mas se optar por um dos que nos costuma propor o Zé Palmeiro são sempre coisas de slow food... O cachecol não fica pronto a tempo do derby - lol - falei nisso porque é a coisa mais fácil de fazer, é sempre a direito!
Sem-nick, Maria, Kika, por mim acho que o gato dá um toque decorativo muito bom, e por aqui é o que mais há. Por outro lado já tive um muito querido, que viveu comigo quase 16 anos mas por agora não me apetece repetir a dose.
Ah, Kika, realmente hoje não deixei nenhuma 'boa notícia, esta foi pessoal e é boa só para mim :)

Emiele disse...

Outra coisa, Mary, olha que o horóscopo (tinhas razão estava a brincar com isso) dizia mesmo isso, tal e qual! E quanto ao item dinheiro tinha a lata de aconselhar «esteja atento à forma como gere a sua vida financeira». Ah pois!

King disse...

Vim cá espreitar, que isto é viciante como se sabe, e vejo que aqui a dona está de pousio...
Faz ela muito bem, e eu também ando a treinar o salto entre domingo e terça. Penso que Lisboa vai ficar deserta mas é bom para o turismo que também tem de viver.
Essa de dormir com muito sossego também me tenta.
(já o tricot, passo :))

Castanha Pilada disse...

Pois eu... nem ponte nem túnel!

Emiele disse...

Bom Dia!
Hoje passei por aqui só para ver se o post de hoje tinha entrado sem problemas e aproveito para ver o que disseram por aqui.
O tempo ontem ainda escapou, mas hoje chove mesmo desalmadamente!!! Só saí para o jornal e comprar pão fresco - e já agora ver a net - mas hoje é que vou cumprir à risca o programa que expus ali em cima.
Que bem se está em casa!!!

Emiele disse...

Castanha Pilada está bem imaginado essa do túnel. E com a chuvada de hoje talvez seja mais de túnel que se trate :)

Miguel disse...

Olha a tua sorte! :p Aproveita bem esses dias. Infelizmente não posso aproveitar este tipo de pontes e ir aí porque as nossas férias são dias de calendário "corridos". Azar... :S

Emiele disse...

Bom Dia Miguel!
Cá estou neste cantinho, a acordar mais tarde é claro! De qualquer modo tenho de vir até à net que ela não vai até mim... e portanto nunca venho aqui muito cedo! O tempo tem estado como um pirilampo - grandes chuvadas e depois levanta e depois chove outra vez imenso... Não desgosto. :)

Saltapocinhas disse...

Bem, eu tenho isso tudo no meu dia a dia normal (menos o descanso, pronto...) e fiquei com inveja!
É o que faz o saber "vender" uma imagem!

Saltapocinhas disse...

Ah, e tenho um gatinho liiiindo,mimado e que gosta de colo, não preciso de pedir emprestado a ninguém!

Emiele disse...

Bom dia Saltapocinhas!!!
Eu sei (pelo menos tinha essa ideia) de que és uma sortuda que no teu dia a dia vives com uma bela qualidade de vida. Snifff... não é o meu caso. Mas tenho portanto a vantagem de dar muuuito valor a estas coisinhas.
Quanto ao gatinho, a gente já o conhece, né? Eu também tive um que adorava ir para esta casa, mas assim que lá chegava pisgava-se e ia namorar só voltando quando o chamávamos para voltar para Lisboa. Depois de ele ter morrido não quis mais nenhum. Daí a minha piadinha de pedir um emprestado para compor o quadro.