quinta-feira, abril 16, 2009

Encostei às boxes

Depois de uma férias de Páscoa frias e molhadas, que deram para descansar mas não o suficiente para «carregar baterias», anda a passear por aí uma virose qualquer (digo isto porque sei que não foi só a mim que me atacou...) que me faz só desejar caminha, chazinhos quentes e muito sono.
Vou «dar-me» os 3 dias da praxe que se costuma dar às crianças quando adoecem, a ver se o organismo reage, se não lá terei de ir perguntar a um médico o que é que tenho...


No entretanto, meto baixa aqui no blog...


15 comentários:

Joaninha disse...

Tadinha...

Também já ouvi que há muita gente «pouco bem». Este tempo é muito interessante e deve ser para organismos 'marcianos' que humanos não é decerto.

Descansa, que o blog não vai abaixo!

Farpas disse...

Olha eu estou sinusitico! Este faz calor/faz frio é um caos... As melhoras amiga!

zorro disse...

Venho «ajudar à festa».
Não sei se alguém notou que ontem também não 'estive-aqui'.
É que estou muita esquisito!!! Isto não é gripe, nem a sinusite que tem o Farpas, e... sei lá o quê!? Mas sinto-me esquisito e pouco bem!

Fazemos um clube?...
Talvez nos possamos encontrar para tomar a aspirina juntos, que dizem?...
:)

Beijinhos!

sem-nick disse...

Mas os 3 dias não te trama o fim-de-semana?!
Ó azar!!!!
:(

Melhoras, heim?!!!

Anónimo disse...

Bolas! já tinha escrito um comentário e qd. fui publicar dizem que o blogger estava indisponivel.Deve ser virose tb.Mas a (o)sem-nick teve muita graça.Essa da gripe a seguir a um fim de semana prolongado e antes de outro é mesmo um atentado à liberdade individual.E a sugestão de uma toma conjunta de Aspirina com uma gasosa em cima ou uma Coca-Cola devia dar para um novo "desembarque em foguetão na superficie lunar"como no poema do outro.Não sei é se a lua tem programas de recuperação....AB

AB disse...

E agora diz que é anónimo.AB

AB disse...

Quanto à história de não conheceres os lançamentos (post de ontem)depois do Dali houve em Lisboa um do Alberto Pimenta e outro do Ribeiro de Melo.(pela ordem inversa no caso português).AB

kika disse...

Só te posso desejar as melhoras, e já agora permite-me,enquanto não recorres ao medico e oxalá nao chegues a precisar, usa muito o mel.Comigo resulta. Ele é antibiotico, ele antibácteriano, eu acho que faz bem e nenhum mal.Há pessoas que não gostam ,não sei se é esse o caso. O cardápio do comentadores chega, mas a mim não me apetece nada... hihihih

Emiele disse...

Olá gentes!!!

Entre uns Ben-u-rons, uma sopa quentinha e muita moleza ainda aqui dei um salto para confirmar que estou bem acompanhada, afinal...
E vocês de bom humor ainda por cima!!!!
(realmente este fim-de-semana que se avizinha não lhe auguro nada de bom! e tinha planos, caraças!!!)

AB, não conhecia essa dos livros «lançados» mas levando em conta a personalidade de quem citas imagino. Deve ter sido um fartote!!!
Eheheheh!!!

Emiele disse...

Olá Kika!
Estava a escrever (até isso faço agora mais ao ralenti...) quando o teu comentário entrou.
Obrigada. Eu até gosto muito de mel que como frequentemente. E ainda ontem á tarde o lanche foi chá e umas torradas com mel. Mas estou a chamar gripe á falta de melhor, porque não tem os sinais que lhe conheço, por exemplo não sinto nada na garganta que é o meu ponto fraco... Tenho é febre e mau estar geral.

Espero que passe apenas com o organismo a reagir.

josé palmeiro disse...

Como a foto indica, encostaste às BOX,s.
Este tempo, é propício a estas situações e o melhor remédio é mesmo: "Abafa-te, abifa-te e avinha-te!"
Três ou quatro dias de quarentena e ficas aí para as curvas. MELHORAS!!!

AB disse...

Informação de ultima hora:O livro de que a Emiele falou ontem vai estar à venda nas seguintes livrarias em Lisboa:Portugal,Apolo 70,Multinova(St.joana Princesa)e King.Além do Changuito é claro.O preço foi fixado em 15 euros.AB

Saltapocinhas disse...

as melhoras!
essas coisas dão e passam, é o que vale!

beijinhos (sem vírus!)

Maria disse...

"Espero que passe apenas com o organismo a reagir."
Então é assim: nem todos os vírus são auto-limitados, isto é,desaparecem expontaneamente.Então, caso a febre se mantenha ou aumente, deverá ir ao médico.
Eu não sou médica (ando lá perto)mas,aceite isto como um conselho de mãe.
Rápidas melhoras e uma noite tranquila.
Maria

Emiele disse...

Obrigada a todos, e um obrigada especial à Maria. O conselho é muito carinhoso e eu tenho a convicção de que é tal como dizes. tenho é por costume «dar um tempo» ao meu organismo a ver como é a reacção. Mas não sou nada avessa a tratar-me «como deve ser» e acho que os médicos existem para a gente os consultar e os medicamentos para tomar quando eles aconselham...
Só que de vez em quando tenho assim umas 'quebras' que depois passam...