sábado, dezembro 27, 2008

Que pontaria!


4 comentários:

sem-nick disse...

É curioso como o nome de Jesus é raríssimo em Portugal, apesar de Maria e José serem dos mais comuns. Mas em países de língua espanhola vê-se muito.
gora uma rapariga chamada VIRGEM Maria é que é de ficar de boca aberta!!! Virgem?! E a história é mesmo engraçada!

sem-nick disse...

É curioso que quando li que o bebé Jesus tinha nascido de cesariana, achei cá para comigo que os médicos tinham sido 'coniventes' e tinham querido que ele nascesse mesmo no Dia de Natal, por isso a cesariana para não passar para outro dia. Contudo vi depois que tinha nascido 10 minutos depois da meia-noite, ou seja tinha o dia todo para nascer... Estava de facto predestinado!
(se eu fosse o pai, mudava de nome)

josé palmeiro disse...

Sem-Nik, para ser pai de Jesus Emanuel, só mesmo Adolfo!
Quanto á mãe está bem, Virgem Maria e no que respeita ao pai depois de andarmos milhares de anos a saber que S. José não era pai mas sim , só carpinteiro e que o pai era o Espírito Santo, que era o que Pessoa descreve, enquanto Alberto Caeiro, finalmente o "mistério", veio à tona, é carpinteiro, é pai verdadeiro, mas chama-se: Adolfo!
Tanto tempo depois, que outro poderia ser?

estrela-do-mar disse...

É uma história espantosa!

O que mais graça acho é a menina ter como nome próprio Virgem.
Ele há cada um!!!!!