quarta-feira, dezembro 10, 2008

Ainda o melhor é passarmos ao peixe!

As aves têm gripe.
As vacas andam loucas.
Os porcos têm peste e dioxinas.
(e a gente já a comeu... e parece que não fez grande mal!)
Pois é.
Passamos definitivamente ao peixe!

(conheço quem não aprecie esta minha conclusão)


12 comentários:

king disse...

O parêntesis final tem endereço... :) Mas não é para mim que gosto de peixe.

Realmente faz-se um alarido com uma rapidez que só tem equivalente com a rapidez com que desaparece. A famosa gripe das aves que ia matar milhões e queriam vender uma vacina etc e tal, ainda se está à espera.

Emiele disse...

Tens toda a razão.
Aqui o meu descendente franze o nariz ao peixe sobretudo cozido. e mesmo sem ser cozido, resmunga que aquilo tem espinhas, coisa que não consta que a carne tenha!

shark disse...

Humm...
De repente sinto-me como um perú no Natal...
:)

Mary disse...

Olha o Tubarão aqui...
Mas descansa que a gente não te come! Só a sopa de barbatana mas crio que isso é ementa chinesa.

Sabes que (há excepções, isso há!) mas a maioria dos homens que conheço também vão antes pela carne. Não sei se será essa coisa da preguiça de tirar as espinhas, mas lá que é verdade, é.
Quanto ao porco, acho que estamos conversados. Já passou, como dizem as mãezinhas ao doi-doi do menino.

AB disse...

E quem merca o peixe ao preço que está?AB

josé palmeiro disse...

Para lá de objecção da AB, que é verdadeira, a conclusão, por aí, também não é verdadeira.
Já não falando nos de aquacultura, que nem sabes o que comem, os outros os proletários, que habitam o mar imenso, também se infestam de tudo o que o bicho homem, para lá despeja, logo, nada de conclusões antecipadas.
Quanto ao Júnior, não gostar de peixe, bem, há idades para tudo.
Amigo Shark, cuidado com esses sentimentos. Já agora, com ou sem recheio?

sem-nick disse...

O congelado (depois do peru passamos à pescada lol!!! hoje é o dia dos congelados) não é assim tão caro e é mais garantido.
O que eu sei, é que o tal «fresco» nem sempre é assim tão fresco... Muitas vezes é congelado, depois descongelado e vendido como fresco!!!

Emiele disse...

Zé Palmeiro, neste caso não é da idade, pelo contrário! Em pequenino até gostava. E o senhor seu pai também quanto a peixe... considera que é para os doentes. Acho que é aí que ele se inspira.

Realmente o peixe está caríssimo. Mesmo o congelado. O post foi mais para ser uma gracinha, porque por aí não nos safamos.
Queremos lutar contra a «comida de plástico» mas afinal é mesmo a que é barata.

Nós, Os Cachorros!!! disse...

Rs
Tens toda razão!!!
Mas, irei então morrer de fome, pois nunca soube comprar peixe...rs
Nem no Brasil nem nessa terra...Quem dirá prepará-lo!!! rs
Abraxos

kika disse...

Viva o peixinho, abaixo a poluição dos mares e tambem o peixe de aviario.Mas temos de nos conformar, o selvagem é carissimo!!! Mas anda toda a bicharada a ficar louca, ao contrário do que afirma o "louco alemão" que vive em Marvão na aldeia do Paraiso.Come tudo cru, porque os animais assim o fazem, e não ficam doentes nem loucos...

estrela-do-mar disse...

Oh Kika, lá na terra em que vive agora o blogger de «Nós os cachorros» também apreciam comida crua, sobretudo o tal peixe. Se ele não o sabe cozinhar é fazer como os japoneses, comê-lo mesmo cru...
Blhac!

A minha experiência também diz que de um modo geral os homens gostam mais de carne. Nunca tinha pensado nesse coisa das espinhas e da preguiça, se calhar é por isso...

Emiele disse...

OK, eu então gosto de peixe, de carne, de hortaliças, de arroz, massa, batatas, de doces, enfim sou muito boa boca, só peço é que se varie aquilo que comemos. Detestaria ter de comer sempre o mesmo, mesmo que fosse o melhor manjar do mundo!