quarta-feira, outubro 08, 2008

Um ou dois olhos?

Quando se pensa que já se viu ouviu tudo, aparece ainda uma surpresa:
Afinal uma mulher mostrar os dois olhos é coisa feia e uma pouca vergonha. Uma mulher que se preza só deve mostrar um olho.
Um olho só chega muito bem!
Esta é mais uma “fatwa” de um xeque da Arábia saudita.
Segundo essa criatura
“a revelação dos dois olhos encoraja as mulheres a usar maquilhagem e atrai demasiada atenção, o que é um comportamento corrupto, em conflito com os princípios islâmicos.”
E o delírio não é só islâmico, pois também judeus ultra-ortodoxos vão ao ponto de criarem “patrulhas da modéstia” que vasculham tudo o que pode ser ofensivo ao pudor (usar-se uma blusa vermelha, p.e.) ou conviver-se com homens. E o curioso é que estas normas todas são para mulheres - afinal se uma mulher 'convive com homens' é porque há homens que 'convivem com ela', não será?!
Não são loucos, o que seria uma desculpa, são fanáticos que amedrontam toda a gente.
Porque submeter-se a tais ordens loucas só por medo.

Só pode ser.


13 comentários:

FJ disse...

.Já tenho pensado na teoria geral do pudor, mas essa de um olho, e só um, não me apareceu nessas meditações.
Embora me sinta obrigado a estudar melhor o assunto, concordo inteiramente com o diagnóstico feito no post. Terei que ir o médio oriente estudar bem.

Emiele disse...

Pelo que se entendia, o homem talvez preferisse não ver olho nenhum :))
Mas a ter de ser, já que as mulheres tinham de ver por onde andavam, um chagava bem....

O que me impressiona nestas coisas todas é a confissão de extrema fraqueza destes tipos. Afinal os ascetas cristãos, deixavam-se tentar e resistiam á tentação. Estes molengas, basta verem um par de olhos para ficarem logo caídos. Mas que falta de firmeza na sua fé!

king disse...

São doidos, só pode ser!
Mas tens razão, afinal só quem 'peca' são os homens. Elas, as tentadoras, só tentam...
Ai, ai, ai...

Joaninha disse...

Ils sont fous, ces gens là!!!!


Até aprece que odeiam as mulheres!?
Mas depois enforcam os homossexuais... Afinal o que é que querem?

Mary disse...

A imagem que escolheste é de uma ocidental, sem dúvida, mas o anel do dedo mostra que também está noiva ou lá o que é.
Os costumes são diferentes, mas mesmo cá se mostra que «temos dono». os homens não andam de anel de noivado, né?

raphael disse...

A gente nem sabe o que dizer.
E depois, manda quem pode e obedece quem deve (quem não se pode opor)
Imagino que haja tipos que não concordem com isso, mas devem ter medo de exprimir a sua opinião.

Emiele disse...

Está bem visto, Mary :)))
De facto não quis espetar aqui uma burka ou coisa dessas para retirar algum peso á coisa. mas a imagem é de uma ocidental, e lá tem o sinal de que vai casar... Símbolos!

josé palmeiro disse...

Mas os árabes...
Nas minhas deslocações a Marrocos, sei que não é o melhor exemplo, já vi tanta coisa, que não consigo entender o proquê desses comportamentos, mas, enfim, é outra cultura.

Emiele disse...

É claro que estes extremos de fundamentalismo foram num país, conhecido também pelos exageros. Acredito que em Marrocos e até em muitíssimos outros países a coisa não seja assim. Aliás no mesmo post citando o tal artigo, referi que os judeus também 'inventaram' umas «patrulhas da modéstia» para uma censura nuns moldes muito estranhos.
o que nos faz abrir a boca de espanto é como é possível, que haja quem assim pense e quem lhes obedeça.

Porque o pensarem, era lá com eles. :D O grave é passar a lei.

Alex disse...

Já te deves ter apercebido de uma das minhas técnicas de sobrevivência: quando a coisa é tão, tão, absurda e/ou dramática e/ou humilhante e/ou uma quantidade de outras coisas que me levam a não conseguir lidar com elas, entro em fuga pela via humorística. P.ex, este teu post leva-me à deliciosa conclusão de que sou uma libertina despudorada. YES!

Emiele disse...

Tu e milhões de mulheres, Alex. A mostrar a cara toda, cabelo, braços, pernas, eu sei lá...
:D
Repara que até aceitava alguns desses costumes se tivesse a certeza que eram praticados com a perfeita concordância de todos. Mas tenho a maior das dúvidas que todas as mulheres concordem e sobretudo o que me choca é que isso seja para... não tentar os homens!
Oh Deus!
Tadinhos deles.

Alex disse...

Como diz o Chico Buarque, poque não seguem o exemplo das Mulheres de Atenas?
Se a greve fosse à séria aposto que daria frutos (e porrada com fartura mas pronto...)

Emiele disse...

Realmente, Alex, assim como assim a tal porrada era certa e ao menos reagiam com algo que os chateava.

Li em tempos um livro chamado Meu Amo e Senhor muito interessante por mostrar como uma mulher, mesmo moderna e desempoeirada pode ficar presa numa teia terrível.